sábado, 13 de março de 2010

"Estes pontos de interrogação..."

Tantas perguntas me perseguem! Tento procurar, entender ou achar alguma resposta que consiga explicar as dúvidas existêntes na minha cabeça e no meu coração mas não consigo achar nenhuma plausível.
Estes pontos de interrogação existentes na minha mente estão a pôr-me cada vez mais maluca.
Tantos acontecimentos, tanta informação sem qualquer lógica deixa-me com dúvidas a cerca de mim, do mundo e da minha fé existente no meu coração e nas pessoas que me rodeiam e convivem comigo todos os dias ou nos dias que por alguma razão se tornam ou felizes ou tristes para mim.
Eu acredito em ti, eu tenho fé e esperança em ti mas quando algo acontece parece que questiono e não aceito a razão pela qual isto foi acontecer. Não aceito vários ‘pontos’ nas tuas decisões e sinto-me mal por tal acontecer; sinto que te desrespeito cada vez que coloco as tuas decisões em questão e quando estou sempre a pedir mais e mais de ti e das pessoas presentes na minha vida.
Por tudo e muito mais peço desculpa por ser assim contigo e com as pessoas que gostam de mim...

Mya Keats

(escrito por A.Teresa)

1 comentário: