sexta-feira, 19 de março de 2010

“Sem passado, presente e qualquer futuro”

Olho no horizonte
E vejo o meu destino,
Isolada de tudo e triste
É assim que me sinto.

Sem passado, presente e qualquer futuro.
Sem direito a um sítio seguro...
Vou parando aqui e ali
Enquanto espero loucamente por ti.

Desejo ser livre como o vento,
Suave como um anjo.
Acariciando todos os momentos
Do teu belo encanto.

Quero ser alma e espírito de paz.
Quero ser uma estrela bem lá no alto...
Quero pertencer ao teu coração
E ao teu baú de recordação.

Mya Keats

(escrito por A.Teresa)

1 comentário: