sábado, 13 de novembro de 2010

O começo de uma amizade...

No início, tudo é novo e inesperado.
Tanta coisa para assimilar e compreender.
Tanta coisa para me adaptar e escolher.

No início, tudo é difícil.
Mais difícil o é, se estivermos sozinhos.
É nestas alturas que aquilo que mais queremos,
Mais precisas, é a Amizade.
A amizade que consegue unir corações e
Juntar pessoas muito diferentes mas,
Com sonhos idênticos.
Sonhos de serem elas próprias,
De conseguirem ser Felizes e Livres.

Acredito que nada acontece por acaso.
Tudo tem uma lógica de ser e,
Naquela noite tudo aconteceu
Como uma avalancha a correr a toda a velocidade.
Na minha cabeça, tudo está enublado,
A nossa conversa, a minha apresentação...
Mas aquilo que ficou bem gravado na minha mente foi,
Que simpatizei logo contigo e que te queria como minha madrinha.

É verdade que a  amizade é algo que leva tempo a crescer.
É uma receita com vários ingredientes como,
Confiança, Humildade, Honestidade, Verdade, Carinho...
Sem um deles, a receita fica incompleta,
Sentindo-se sempre a falta desse sabor.

Em relação a esta amizade de afilhada para Madrinha,
Espero e vou fazer tudo para que não falte nenhum ingrediente.
Para que partilhemos todas as alegrias, duplicando-as
E, para que vivamos as tristezas, dividindo-as.

Assim, quero que esta amizade possa fluir naturalmente,
Que possamos sentir-nos confortáveis uma com a outra
Para viver momentos únicos e felizes.
Para que no fim, cada uma pense que,
“Vivi tudo o que podia ter vivido,
Aproveitei tudo ao máximo e,
Fui feliz, verdadeiramente feliz!”

Assim, despeço-me com a esperança
De realizar todas estas ideias e sonhos.
Sei que vou conseguir, junto a ti, com a tua ajuda,
Conseguir realizar todos os meus objectivos e principalmente o mais importante,
Ser verdadeiramente feliz sendo Eu Própria.

                                                Caloira Teresa

Sem comentários:

Enviar um comentário