segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Este pesadelo encantado!

Tudo vai mudando sem dar aviso.
Nós vamos com a onda mas, por vezes, nem sequer temos noção daquilo que está a acontecer.
Depois quando "acordamos", apercebemo-nos do sítio onde estamos, daquilo que já vivemos e de tudo o que sentimos. Ficamos aflitos, aterrorizados, sem saber como lá fomos parar, àquele precipício sem saída.
O ar parece que desapareceu, a nossa cabeça está tão cheia que parece que vai rebentar; o nosso coração...o nosso coração desapareceu, pois foi roubado por alguém, não sei quem porque só agora acordei deste pesadelo encantado.

Sem comentários:

Enviar um comentário