sábado, 16 de abril de 2011

"Amor, amor estás ai?"

"Amor, amor estás ai?
Desculpa por não ter avisado mas não me apetecia voltar amanha."

O que dizer?
O que dizer quando tudo acabou e simplesmente já não há nada para fazer, por que lutar.
Queria acreditar que o resto da minha vida seria assim, junto de ti mas, algo se perdeu no vento e não mais vai passar por aqui, por nós para nos salvar e levar-nos de novo ao passado.
Tantos sonhos, tantos planos, tantos objectivos que tínhamos em conjunto e de um momento para o outro tudo muda como se um terramoto tivesse invadido todo o meu corpo e roubasse o chão, o pensamento e o mais importante, o sentimento.
E agora? O que fazer?
Começar tudo de novo ou sentar-me e esperar que algo aconteça?



Teresa Oliveira


1 comentário: